Saiba porque as ações da Hering caíram 12,6% e perderam mais de R$600 milhões de mercado em um dia

publicidade

A Hering é uma empresa conhecida, porém as coisas não andam muito boas para os seus investidores, se você deseja saber o porquê que as ações da Hering caíram e ela acabou perdendo mais de R$600 milhões de mercado em um dia, esse artigo vai te ajudar a esclarecer algumas dúvidas.

Com sede em Blumenau, criada por dois irmãos alemães em 1880 a empresa do ramo de vestuário se consolidou no mercado e é famosa no ramo, porém no final do ano passado as coisas se complicaram e a empresa vem perdendo força e mercado o que preocupa os investidores.

Hering

Nesse artigo vamos falar um pouco sobre a causa do problema para que você investidor, ou só simpatizante do ramo saiba um pouco mais, tire as suas dúvidas.

A Hering e sua baixa no mercado

No começo do ano passado a Hering fez uma promessa, se assim podemos dizer, de renovação de mercado, de investir na área de vestuário com intuito de melhorar as suas vendas a companhia completa 120 anos neste ano e buscava essa renovação, porém as coisas não saíram muito como o esperado.

A rede vem buscando a integração de vendas de todas as marcas que possui, buscando construir um canal único de vendas com intuito de maiores lucros, mas os resultados obtidos não foram os esperados, e no quarto trimestre ela caiu cerca de 13% no quesito venda.

O que acontece é que as vendas de dezembro é a principal fonte de renda da empresa que representam cerca de 22% das vendas do ano e 66% do quarto trimestre, e no ano de 2019 a rede sofreu com uma queda de vendas considerável na época, o que trouxe grandes prejuízos.

Mesmo com todos os problemas a empresa ainda conseguiu obter uma alta de 0,5% em relação a 2018 faturando cerca de R$ 1,8 milhões em 2019. Apesar de não ser o esperado é melhor que tomar prejuízo de tudo.

Já o quarto trimestre que é o das compras de final de ano teve uma queda de 5% em relação a 2018, como os resultados foram divulgados na véspera do dia 21, dia em que a empresa teve a queda e apesar de serem preliminares já mostravam os ocorridos, tudo isso fez com que a Hering perdesse mais de R$600 milhões de valor de mercado e tivesse uma queda de 12,6% na bolsa.

publicidade

As causas por trás da queda

O primeiro problema que a rede enfrentou foi a ressaca do black friday, cada vez mais as pessoas têm buscado comprar com antecedência nessas datas de promoções maiores, o mercado mudou e o comportamento dos clientes também principalmente o feminino e a empresa demorou a perceber, reagir.

A diretoria fez uma coletiva de imprensa em Blumenau onde é a sede da companhia e tudo começou, assumindo a culpa e a demora de reação, mas acredita que é uma queda pontual e não vai se estender por muito tempo que os investidores não precisam se preocupar tanto.

O mercado vem sofrendo constantes mudanças principalmente no quesito preço baixo e quem percebeu e investiu ganhou mercado, como a hering demorou a perceber perdeu clientela.

A gestão da companhia assumiu o erro e disse que faltou planejamento, tentar competir no mercado, segundo informações os concorrentes esse ano investiram pesado em preços baixos com produtos de R$20,00 A R$30,00, o que fez com que a maioria dos clientes migrassem para outras lojas em buscas dessas promoções.

A verdade é que mesmo que a economia tenha melhorado um pouco o poder de compra do brasileiro não foi totalmente estabelecido, logo as pessoas ainda preferem preços mais baixos, as promoções.

publicidade

Mas a empresa não desistiu e busca por uma reviravolta, aliás não é atoa que sobreviveu a tantos anos a um mercado transitório, portanto acreditamos sim na recuperação dessa gigante que a anos é tradicional no mercado de vestuário.

Investidores

Bom para quem tem ações na empresa o ideal é ficar em alerta para não ter maiores problemas no futuro, uma dica é continuar por mais um tempo caso não veja melhorias migrar para um outro tipo de ação, aliás ninguém merece tomar prejuízo constantes.

Agora um prejuízo pontual é normal e qualquer empresa está sujeita não existe ninguém nesse mercado que está livre de contratempos.