Conta Conjunta Itaú: Como fazer? Quem Pode fazer? 

Quase todo mundo já escutou alguém falar sobre conta conjunta, mas você sabe exatamente como funciona esse tipo de conta, hoje vamos trazer informações de como fazer, quem pode fazer, explicar melhor o que são essas contas. Vamos falar os principais tópicos relacionados a conta conjunta do Itáu.

As contas conjuntas são muito comum entre sócios, parentes e cônjuges, facilitam o dia a dia e facilitam na hora de visualizar melhor as finanças e fazer investimentos, mas será que realmente vale a pena ter uma?

Esse artigo vai tirar todas as suas dúvidas, não abra a sua conta sem antes ler tudo com atenção e ficar por dentro do assunto.

publicidade

Conta Conjunta Itaú: Como fazer? Quem Pode fazer? 

O que é a conta conjunta itaú?

É uma conta onde duas ou mais pessoas têm acesso e podem fazer as transações do cotidiano. Para abrir a conta é preciso levar os documentos de todos os participantes. É uma conta onde você faz saques, depósitos, pagamentos e operações em conjunto com outra pessoa, tudo passa a ser dos 2 e de responsabilidade dos 2 ou mais, pode ter mais de 2 pessoas nesse tipo de conta.

Como Funciona a conta conjunta itaú?

Existem dois tipos de conta conjunta uma conhecida como conta solidária, que deve ser utilizadas por pessoas confiáveis, onde cada pessoa consegue fazer as transações individualmente, sem pedir permissão a outra pessoa.

E a conta conjunta simples muito utilizada por sócios onde tudo deve ser aprovado por todos, dá um pouco mais de trabalho, mas é mais segura.

Ambas devem ser de comum acordo de todos participantes que devem assinar ao abrir a conta e levar os documentos necessários para essa abertura.

Quem tem direito?

Qualquer pessoa tem direito desde que a conta seja aberta no Itaú, para quem já tem conta no banco pode incluir outro titular, basta levar os documentos necessários RG, CPF, endereço, comprovante de renda, dentre outras informações e se dirigir à agência com a outra pessoa para assinarem os papéis.

Taxas da conta

As taxas variam de acordo com cada pacote, cada conta possui serviços próprios disponíveis, então depende do que você precisa para fazer as suas operações do cotidiano. Tem conta de R$21,50 até R$ 160 o ideal é que você entre nos site e veja o que oferece e os preços e decida através do que você precisa para realizar as suas operações do dia a dia, qual a conta mais indicada para você.

Dá pra pedir pela internet?

O Itaú possui um aplicativo com a opção abre contas, porém para casos de conta conjunta o processo deve ser feito pessoalmente, você e o outro usuário da conta devem se dirigir a uma agência portando:

  • Documento com foto;
  • Comprovante de endereço;
  • Comprovante de renda.

Agora é só pedir uma conta conjunta, caso todos os dados estejam certos em cerca de 10 dias você já tem acesso a conta.

Como excluir titular

Quando um titular já não quer mais participar da conta é bem simples primeiro todos os participantes entram em um acordo, todos devem concordar com a saída, incluindo quem vai sair. 

Agora é só se dirigir a uma agência portando alguns documentos como (RG, CNH – Carteira de motorista, Carteira de Trabalho ou Registro Nacional de Estrangeiro) e assinar os papéis depois de 10 dias ele é excluído. Caso o pessoa não possa comparecer o outro deve levar uma procuração com firma reconhecida.

Vale a pena?

Chegamos a conclusão que é uma decisão bem pessoal e é difícil dizer se vale a pena ou não. Abaixo listamos alguns pontos para que você consiga chegar em uma decisão de acordo com o que você deseja.

Quando você abre uma conta conjunta principalmente a solidária você pode fazer qualquer transação sozinho, então pode ser um risco dependendo de quem você vai dividir, outro ponto todo mundo tem acesso a todas as transações feitas por todos, isso pode se tornar um problema. 

As contas simples ainda se pode ter um pouco mais de controle, mas em contrapartida dá um trabalho danado para fazer transações simples e quanto as movimentações aqui também todos tem acesso.

Por outro lado todas as transações se concentram em um mesmo lugar, fica mais fácil investir, dividir contas, ter um planejamento futuro, juntar dinheiro seja para montar uma casa ou fazer uma viagem, por exemplo.